Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/2069
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorRibeiro, José Manuel Félix-
dc.date.accessioned2015-11-25T10:22:35Z-
dc.date.available2015-11-25T10:22:35Z-
dc.date.issued2001-
dc.identifier.isbn972-8179-33-2-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11144/2069-
dc.description.abstractNo leste e sudeste da Europa existe uma vasta região, altamente instável e turbulenta, cuja estabilização não passa exclusivamente pelo alargamento da União Europeia ou da NATO, por mais amplos que alguns os concebam. Essa vasta região abrange o que poderemos designar — inspirando-nos em conceitos desenvolvidos por Barry Buzan — como três "Complexos de Segurança Regionais" distintos, mas interrelacionados (nomeadamente, pela presença da Rússia e da rivalidade russo-turca em todos eles): o complexo do Mar Negro, o complexo dos Balcãs e o complexo do Cáucaso, onde se acumulam dos maiores e mais perigosos focos de instabilidade para a Europa, tomada como um todo.por
dc.language.isoporpor
dc.publisherOBSERVARE. Universidade Autónoma de Lisboapor
dc.rightsopenAccesspor
dc.titleA UE, a NATO e as “zonas de turbulência” no leste e sudeste europeupor
dc.typearticlepor
degois.publication.titleJanus 2001: actualidade das migraçõespor
dc.peerreviewednopor
dc.relation.publisherversionhttp://janusonline.pt/2001/2001_1_1_6.htmlpor
Appears in Collections:OBSERVARE - JANUS 2001 - Actualidade das migrações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
artigo_janus2001_1_1_6.doc287,5 kBMicrosoft WordView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.