Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/752
Title: Centro de investigação da paisagem na Aldeia da Luz - Regeneração de um território esquecido
Authors: Henriques, Gonçalo de Albuquerque Marcão Pereira
Orientador: Lobo, Inês
Vaz, João
Moreno, Joaquim
Keywords: Território
Paisagem
Comunicação
Permanência
Issue Date: 19-Jan-2015
Abstract: Localizada na margem nascente da albufeira do Alqueva, a Aldeia da Luz foi a principal vítima deste empreendimento. Para além de ter alterado radicalmente a paisagem, foi também responsável pela instauração de novos limites hidrográficos, criando assim uma nova condição territorial. A aldeia foi reposta num outro local, perto da antiga povoação, provocando algum descontentamento na população pela perda de todo o simbolismo do lugar criado ao longo do tempo. A relação com o rio Guadiana alterou-se gradualmente tornando-se uma imagem de evocação da memória local, responsável pela extinção do carácter público que se desenvolvia ao longo das margens, e de um sistema de mobilidade que colocou em causa a existência de diversas povoações que se converteram a um maior isolamento. O projecto Horizonte Portugal pretende fazer parte da construção de um lugar que está cada vez mais destinado ao esquecimento, por um plano que se desenvolve em momentos distintos. Trata-se de um plano que pretende ser um exemplo de desenvolvimento local para as povoações da região, de modo a consolidar a relação da Aldeia da Luz com a envolvente; não se restringe somente aos seus limites edificados e incrementa novas medidas sustentáveis que devolvam o carácter comunitário às ruas. Assim, a proposta opera como um observatório que, estabelecendo-se como um ponto de relação e aproximação ao território, destaca-se como um espaço de comunicação e de contemplação da paisagem, e como um laboratório que pretende estabelecer uma plataforma de novas formas de permanência na aldeia. Tendo como base o estudo da evolução do espaço e de todo o sistema do Alqueva, a dissertação pretende apresentar o Centro de Investigação da Paisagem como uma ferramenta regeneradora do lugar esquecido, como um elemento capaz de voltar a dotar o território de sentido.
Peer reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/11144/752
Appears in Collections:DA - Dissertações de Mestrado
BUAL - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Textos da dissertação final.pdf8.03 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.