Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/748
Title: Refúgio para pessoas e barcos. Berlengas. Instinto e razão
Authors: Santos, José António Tinoco de Faria dos
Orientador: Mateus, Francisco Aires
Moreno, Joaquim
Keywords: abrigo
arquétipo
instinto
razão
Issue Date: 3-Feb-2015
Abstract: Refúgio remete-nos para abrigar. Abrigo é uma imperiosa necessidade humana que se revela desde o primeiro dos homens. É dos pensamentos mais primitivos na natureza, inclusive os próprios animais procuram gerar o seu abrigo. O instinto leva à construção da caixa protectora, da terceira pele. A razão ordena, regula, torna concreta. A Cabana Primitiva - primeiro abrigo do homem feito pelo homem, é o tema comum aos arquitectos e teórico estudados. Diferentes épocas da história da arquitectura, diferentes visões, diferentes leituras. Em comum, todos procuram uma essência para a sua arquitectura, naquela que é considerada a origem. Não podemos afirmar com certeza qual terá sido o início da arquitetura, muito menos qual terá sido o seu aspecto formal em concreto. O objecto de estudo é um arquétipo, um condensador de ideias, intenções e interpretações. É um objecto rico em leituras e aprendizagem, capaz de, através da sua simplicidade, pureza e honestidade, despoletar novas arquitecturas. Um Refúgio para Pessoas e Barcos nas Berlengas. O projecto procurou responder da forma mais imediata às questões que se iam colocando. O instinto é o que de mais imediato há em nós, a razão quer-se para ordenar, dar sentido, dar razão. Um espaço que se quer simples e despretensioso, resultado de uma busca por uma nova arquitectura olhando para trás, olhando a origem.
Peer reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/11144/748
Appears in Collections:DA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
António Tinoco de Faria.pdf19.53 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.