Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/3127
Title: Projeto "Promoção da Qualidade das Relações Interpessoais, da Saúde e do Bem-estar de Profissionais da Saúde": Apresentação de resultados — Hospital A.
Authors: Ribeiro, Luisa
Nitzsche, Martina
Jesus, Saúl
Gonçalves, Elsa
Magalhães, José
Laneiro, Tito
Keywords: civilidade no trabalho
incivilidade no trabalho
Burnout
engagement
profissionais de saúde
Issue Date: Nov-2016
Abstract: O presente estudo assenta num modelo teórico que defende a importância do empowerment no trabalho que influencia as áreas cruciais para o desenvolvimento do burnout ou do engagement no trabalho, com consequências no compromisso organizacional, na saúde dos trabalhadores e na sua retenção. Uma amostra de 315 profissionais de saúde (enfermeiros, médicos, assistentes operacionais e técnicos) de um hospital da Grande Lisboa revelou que existem diferenças estatisticamente significativas entre os diversos grupos profissionais. Os enfermeiros e os assistentes operacionais são os grupos que reportam maior incivilidade de clientes, sendo os médicos o grupo onde tal menos acontece. Os enfermeiros são também quem reporta maior frequência de burnout severo, e menores valores de engagement e de saúde mental. Em conjunto com os assistentes operacionais, indiciam menores níveis de saúde física. Os resultados alertam-nos para a necessidade de intervenção na promoção da saúde dos profissionais de saúde, especialmente nos Enfermeiros.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/11144/3127
Appears in Collections:CIP - Comunicações em conferências

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Comunicação2_Resultados Hospital A_Jornadas Açores_nov2016_Final.pdf641.32 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.