Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/3110
Title: A herança cultural judaica e o turismo em Castelo de Vide
Authors: Prata, Silvia Maria Gomes
Orientador: Ramos, José Augusto
Sarmento, Eduardo Moraes
Keywords: património cultural,
desenvolvimento local
turismo
cultura judaica
Issue Date: 23-May-2017
Abstract: A presença judaica no território que constitui Portugal há mais de oito séculos tem sido muito debatida entre os historiadores, pois os primórdios da fixação deste povo estão envoltos em algumas dúvidas. Os vestígios existentes são poucos, mas em todo o caso, graças aos estudos das últimas décadas, é possível provar a existência de judeus em Portugal muito antes do nascimento do nosso reino, no século XII. O Édito de expulsão espanhol de 1492 no tempo dos Reis Católicos veio aumentar bastante o número de judeus em Portugal, com a chegada de milhares de judeus espanhóis. Com a sua longa fronteira terrestre com Castela, Portugal torna-se um refúgio óbvio para esta comunidade. Aqui viveram períodos de prosperidade social e económica. Contudo, também aqui os judeus foram alvos de perseguição feroz com o Édito de expulsão de 1496. O estabelecimento da Inquisição em Portugal, em 1536, assinalava o início de uma repressão ainda mais activa e feroz. Castelo de Vide foi um dos locais de entrada das migrações de judeus provenientes de Leão e Castela sabe-se da existência de um núcleo de judeus no século XIV. Depois de 1496, houve algumas famílias que ficaram e se converteram ao cristianismo. Por toda a região está visível património com marcas típicas judaicas, edifícios em que se contam a sua história e costumes, e tradições que estão ainda vivas em algumas localidades. A dinamização deste património cultural como factor de crescimento e desenvolvimento e consequente valorização da história portuguesa tornam-se cada vez mais extremamente importantes. Castelo de Vide está inserida na Rota das Judiarias. É uma iniciativa que facilita ao público uma viagem pela história da cultura judaica. Esta vila promove um conjunto de actividades de programação que visam dinamizar e activar o contacto das pessoas com o judaísmo português e através dos seus visitantes divulgar esta herança pelo mundo. O turismo em Castelo de Vide tem vindo a aumentar nestes últimos anos. Devido a esta estratégia de gestão do património cultural, será possível no futuro a revitalização e a salvaguarda deste património às comunidades, permitindo assim, um desenvolvimento próspero.
URI: http://hdl.handle.net/11144/3110
Appears in Collections:DH - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese-SilviaPrata - 1(1).pdf3.24 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.