Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/2250
Title: A situação profissional das mulheres imigrantes
Authors: Brito, Brígida
Issue Date: 2001
Publisher: OBSERVARE. Universidade Autónoma de Lisboa
Abstract: O processo imigratório em Portugal, além do carácter particularmente económico, tem revestido uma dupla vertente relacionada com o género — se a população imigrante começou por ser, prioritariamente, masculina, verifica-se que, actualmente, as mulheres representam valores muito significativos do total de estrangeiros residentes em Portugal (41,9% = 74,485 casos [1]). Os fluxos imigratórios são, principalmente, de dois tipos — de trabalho e de povoamento (2). 0 imigrante de trabalho é motivado pela expectativa de auferir rendimentos que lhe possibilitem o consumo associado à poupança, com eventual regresso ao país de origem num futuro indeterminado no tempo. Esta é, maioritariamente, a situação dos homens enquanto chefes de família.
Peer reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/11144/2250
ISBN: 972-8179-33-2
Publisher version: http://janusonline.pt/2001/2001_3_3_11.html
Appears in Collections:OBSERVARE - JANUS 2001 - Actualidade das migrações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
artigo_janus2001_3_3_11.doc395.5 kBMicrosoft WordView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.