Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/1654
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPinto, Pedro-
dc.date.accessioned2015-07-30T15:19:35Z-
dc.date.available2015-07-30T15:19:35Z-
dc.date.issued2003-
dc.identifier.isbn972-8197-47-2-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11144/1654-
dc.description.abstractA crise argentina teve efeitos nos restantes países da região: os sinais da crise chegaram primeiro ao Brasil, onde a perturbação criada pelas eleições e a previsão da vitória de um candidato de esquerda, conduziram à lenta, mas continuada desvalorização da moeda. Por outro lado este país apresenta uma inflação superior ao esperado, taxas de juro acima dos 20% e a dívida pública a representar 55% do PIB. Teve também efeitos de contágio no Uruguai e no Paraguai. O México, os países da América Central e Chile, mais ligados à economia norte-americana, apresentam melhores perspectivas de recuperação.por
dc.language.isoporpor
dc.publisherOBSERVARE. Universidade Autónoma de Lisboapor
dc.rightsopenAccesspor
dc.titleA crise argentina e o seu impacte na América Latinapor
dc.typearticlepor
degois.publication.titleJanus 2003: A convulsão internacionalpor
dc.peerreviewednopor
dc.relation.publisherversionhttp://janusonline.pt/2003/2003_1_3_6.htmlpor
Appears in Collections:OBSERVARE - JANUS 2003 - A convulsão internacional

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
artigo_janus2003_1_3_6.doc163.5 kBMicrosoft WordView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.