Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/1432
Title: Sem rearmamento europeu não há PESC?
Authors: Tomé, Luis
Issue Date: 2006
Publisher: OBSERVARE. Universidade Autónoma de Lisboa
Abstract: Qualquer reflexão sobre a Política Europeia de Segurança e Defesa (PESD) nos remete para um tremendo paradoxo: de todas as áreas da política externa e de todas as prerrogativas dos Estados, a política de segurança e defesa é, sem dúvida, a que mais dificilmente se presta a um enfoque comum europeu; porém, é precisamente nesta área que a UE tem realizado os progressos mais espectaculares dos últimos anos. Também somos obrigados a assumir uma evidência: as melhores capacidades do mundo de nada servem se faltar vontade política; mas havendo vontade política, ambições e objectivos de nada servem sem as capacidades necessárias para os implementar. Assim, pode desenvolver-se eficazmente uma Política Externa e uma Política de Segurança e Defesa da UE sem rearmamento europeu?
Peer reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/11144/1432
ISBN: 989-619-020-8
Publisher version: http://janusonline.pt/2006/2006_3_1_15.html
Appears in Collections:OBSERVARE - JANUS 2006 - A nova diplomacia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
artigo_janus2006_3_1_15.doc538 kBMicrosoft WordView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.