Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/1319
Title: O sector financeiro chinês
Authors: Morais, Henrique
Issue Date: 2006
Publisher: OBSERVARE. Universidade Autónoma de Lisboa
Abstract: As políticas excessivamente favoráveis para as exportações e o investimento estrangeiro fizeram sentido depois do país ter aberto a economia em 1979. Mas, desde então, induziram a ideia errada de que o seu apoio incondicional levaria a um consistente excedente comercial. Esta mentalidade deverá ser modificada. O excedente comercial não é sempre necessariamente bom. Surpreendentemente, estas palavras foram proferidas por Guo Shuqing, ex-responsável pelo organismo estatal encarregue de administrar o mercado cambial, vice-governador do banco central da China e recentemente nomeado presidente de um dos quatro maiores bancos estatais chineses (o China Construction Bank)!
Peer reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/11144/1319
ISBN: 989-619-020-8
Publisher version: http://janusonline.pt/2006/2006_1_1_22.html
Appears in Collections:OBSERVARE - JANUS 2006 - A nova diplomacia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
artigo_janus2006_1_1_22.doc482 kBMicrosoft WordView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.