Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11144/1205
Title: Fundamentalismo em colisão
Authors: Portas, Miguel
Keywords: Religião
Issue Date: 2009
Publisher: OBSERVARE. Universidade Autónoma de Lisboa
Abstract: Eis o tipo de pergunta que não tem uma resposta simples: «Até que ponto a religião delimita a civilização»? Na aparência, é fácil: os atlas das religiões revelam assinaláveis sobreposições com os de natureza política (ver cartas). O Confucionismo e o Taoísmo são delimitados pelas fronteiras da China; o Hinduísmo marca a cultura do sub-continente indiano; grosso modo, o mundo de maioria muçulmana estende-se da Ásia Central ao Mediterrâneo e mergulha em África, até às suas zonas tropicais; por sua vez, o Cristianismo é dominante nos continentes europeu e americano. Neste modelo simplificado, as excepções – o Budismo, o Jainismo ou o Judaísmo, por exemplo, e o movimento das religiões que acompanha as migrações – apenas confirmariam a regra.
Peer reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/11144/1205
ISBN: 978-989-619-176-4
Publisher version: http://janusonline.pt/2009/2009_3_4_1.html
Appears in Collections:OBSERVARE - JANUS 2009 - Aliança de civilizações: um caminho possível?

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
artigo_janus2009_3_4_1.doc210 kBMicrosoft WordView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.